top of page
  • Ronaldo Gomes dos Santos

As coisas como parecem ser

Por que dificultar as coisas?

Não é mais fácil ler a minha mente?

Se você quer entender a razão

Porque não escuta a voz do meu coração?


Não quero ser no mundo

A única razão do teu sofrer

Não julgue o meu novo jeito de ser

Só porque eu falo o que penso

Direta e francamente eu falo o que penso

Não precisa desafiar a gravidade

Nem ir contra as leis

Só quero que veja as coisas como são

E não como parecem ser


Eu não vou morrer sem você

Já provei o gosto amargo

Sei o que é bom pra mim

E não quero mais repetir os mesmos erros


O que há de errado em mim?

Não é certo ser quem sou?

Não estamos tratando de mudanças

E sim de evolução

Há um momento na vida em que nós temos que mudar

Temos que progredir

Mesmo com lágrimas nos olhos

Nunca olhar para trás


Vou continuar

Quero sempre evoluir

Pouco me importa se você não me acompanhar

Faça o que quiser

Não quero mais ter que implorar

É cada um por si

Se é assim que você quer


Não quero ser no mundo

Aquele que tanto te faz sofrer

Desculpa mas esse é o meu novo jeito de ser

Apenas falo o que penso

Direta e francamente falo o que penso

Não é preciso perder a verdade

Começa uma nova fase em mim (seja bem vindo!)

Quero que veja as coisas como são

E não como parecem ser


Por mim mesmo aprendi a viver

Foi difícil eu sei

Mas aprendi

Tudo isso sem você

Não, eu não quero mudar o mundo

Só aquilo que está dentro de mim.



bottom of page